O Que Significa Idolatria? Uma Definição Bíblica de Idolatria

O Que Significa Idolatria? Uma Definição Bíblica de Idolatria
Você já leu na Bíblia sobre idolatria? O que significa idolatria e qual é a definição bíblica de idolatria?

A Idolatria é ...

Eu amo uma definição de idolatria como a que ocorre quando você olha para o fruto de seu próprio trabalho, a estátua esculpida por você mesmo, e você a adora. Também pode ser descrito como uma devoção cega ou excessiva a algo que não é realmente deus ou um deus, mas criado por suas próprias mãos, como em uma imagem esculpida ou entalhada que alguém criou em sua própria mente e um deus de sua própria imaginação. A idolatria é qualquer coisa que é colocada antes ou acima do Único e Verdadeiro Deus. Martinho Lutero disse certo; nossos corações são fábricas de ídolos, incluindo o meu.

A Idolatria no Antigo Testamento

Isaías escreveu sobre a inutilidade dos ídolos, quando escreveu "Todos os artífices de imagens esculpidas são nada; e as suas coisas mais desejáveis são de nenhum préstimo; e suas próprias testemunhas nada veem nem entendem, para que eles sejam confundidos" (Isaías 44:9) e Deus falou por intermédio de Ezequiel também que os idólatras "pagarão o vosso procedimento lascivo e levareis os pecados dos vossos ídolos; e sabereis que eu sou o Senhor Deus" (Ezequiel 23:49). Deus advertiu Israel pouco antes de eles atravessarem para a Terra Prometida; "Guardai, pois, com diligência as vossas almas, porque não vistes forma alguma no dia em que o Senhor vosso Deus, em Horebe, falou convosco do meio do fogo; para que não vos corrompais, fazendo para vós alguma imagem esculpida, na forma de qualquer figura, semelhança de homem ou de mulher" (Deuteronômio 4:15-16), porque isso os levariam a tirar os olhos do Único e Verdadeiro Deus "Quando o Senhor teu Deus exterminar de diante de ti as nações aonde estás entrando para as possuir, e as desapossares e habitares na sua terra, guarda-te para que não te enlaces para as seguires, depois que elas forem destruídas diante de ti; e que não perguntes acerca dos seus deuses, dizendo: De que modo serviam estas nações os seus deuses? Pois do mesmo modo também farei eu" (Deuteronômio 12:29-30).

Os Valorosos Caíram na Idolatria

O rei Saul foi dedicado ao Senhor Deus durante uma grande parte do seu reinado precoce em Israel, mas depois ele começou a tomar decisões insensatas e tornou o coração para longe de Deus e, ao fazer isso, ele foi rejeitado como rei como Samuel disse a Saul, "Porque a rebelião é como o pecado de adivinhação, e a obstinação é como a iniquidade de idolatria. Porquanto rejeitaste a palavra do Senhor, ele também te rejeitou, a ti, para que não sejas rei"(1 Samuel 15:23). Esta também foi a causa da queda de Israel "Assim sucedeu, porque os filhos de Israel tinham pecado contra o Senhor seu Deus que os fizera subir da terra do Egito, de debaixo da mãe de Faraó, rei do Egito, e porque haviam temido a outros deuses, e andado segundo os costumes das nações que o Senhor lançara fora de diante dos filhos de Israel, e segundo os que os reis de Israel introduziram" (2 Reis 17:7-8) uma vez que eles "Edificaram para si altos em todas as suas cidades, desde a torre das atalaias até a cidade fortificada" (2 Reis 17:9b). Os "lugares altos" eram usadas para adorar falsos deuses ou ídolos. Deus não condena severamente isso, como você pode observar a partir da história de Israel.

A Idolatria no Novo Testamento

A idolatria não é apenas um problema do Antigo Testamento. Ela estava viva e bem evidente durante a igreja no início do primeiro século, mas ela ainda está viva hoje. Então, como agora, nós colocamos as coisas à frente de Deus, que merece o primeiro lugar em nossas vidas. Paulo advertiu a igreja de Corinto, uma cidade cheia de ídolos: "Portanto, meus amados, fugi da idolatria" (1 Coríntios 10:14). Alguns dos pecados da carne incluem idolatria, bem como "a prostituição, a impureza, a lascívia, a idolatria, a feitiçaria, as inimizades, as contendas, os ciúmes, as iras, as facções, as dissensões, os partidos, as invejas, as bebedices, as orgias, e coisas semelhantes a estas" (Gálatas 5:19-21) por isso devemos "Exterminai, pois, as vossas inclinações carnais; a prostituição, a impureza, a paixão, a vil concupiscência, e a avareza, que é idolatria" (Colossenses 3:5). Aqui Paulo define o que é idolatria; é a imoralidade sexual, a impureza, a cobiça, a paixão e os maus desejos. Estes são ídolos, porque eles são considerados mais importantes do que Deus na vida de uma pessoa e a autogratificação é o Deus de suas vidas (o que é idolatria). Os crentes são convidados para dar frutos de carne, mas Pedro nos adverte que "no tempo passado tenhais cumprido a vontade dos gentios, andando em dissoluções, concupiscências, borrachices, glutonarias, bebedices e abomináveis idolatrias" (1 Pedro 4:3).

Advertência contra a Idolatria

Paulo foi confrontado com a idolatria em quase todas as cidades que ele entrou, mas advertiu-os "Porque bem sabeis isto: que nenhum devasso, ou impuro, ou avarento, o qual é idólatra, tem herança no reino de Cristo e de Deus" (Efésios 5:5). Aqui, novamente, Paulo revela o que a idolatria é; imoralidade sexual e cobiça, e parecem ser os principais sintomas de um coração idólatra, e aqueles que fazem tais coisas claramente não têm herança no reino de Deus e por isso ele diz à igreja em Corinto "Não sabeis que os injustos não herdarão o reino de Deus? Não vos enganeis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas"(1 Coríntios 6:9). Antes dos crentes de Coríntios serem salvos, Paulo escreveu que "Vós sabeis que, quando éreis gentios, vos desviáveis para os ídolos mudos, conforme éreis levados" (1 Coríntios 12:2), mas os crentes agora devem colocar Deus acima de todas as coisas e pessoas.

Conclusão

Hoje eu ainda luto contra os ídolos criados em meu próprio coração; que é de satisfazer o ego, de alimentar os meus desejos carnais e colocar meus próprios interesses e vontade acima de Deus. Isto é verdadeiramente idolatria do coração. Muitos criam um deus de suas próprias mentes e dizem: "Deus nunca condena ninguém, porque Deus é um Deus de amor". Eu digo a eles que eles têm razão ... que seu Deus não iria nunca condenar ninguém sobre o pecado, pois esse Deus não existe. Jesus diz que todos devemos nos arrepender e crer no evangelho (Marcos 1:15) e que ninguém pode entrar no reino a menos que tenha a justiça imputada de Cristo. Eu oro para que você tenha essa justiça, mas como isso é possível? Foi "Àquele que não conheceu pecado, Deus o fez pecado por nós; para que nele fôssemos feitos justiça de Deus" (2 Coríntios 5:21).

Tem dificuldade para entender a Biblia? Olha a novidade que tenho para você!

Um excelente método sobre como ler a Bíblia e entendê-la mais facilmente! Descubra como ser um grande leitor da Bíblia Sagrada sem ser um teólogo profissional

Se você deseja ler e enteder a Biblia, ainda hoje, terá à disposição um excelente material! Clique Aqui para adquirir seu ebook.

Nenhum comentário:

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:
1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!

Tecnologia do Blogger.