Submetendo-se à Autoridade Divina
"Ouvi, ó céus, e dá ouvidos, ó terra, porque falou o Senhor: Criei filhos, e os engrandeci, mas eles se rebelaram contra mim" (Isaías 1:2).

A Palavra de Deus é a única fonte de autoridade divina.

Podemos supor que aqueles que afirmam a inspiração, a inerrância e a infalibilidade da Palavra de Deus se submetem automaticamente à sua autoridade. Mas isso nem sempre é o caso. Mesmo aqueles que defendem uma visão elevada das Escrituras podem, às vezes, deixar de obedecer a ela.

Precisamos ser lembrados de que a autoridade da Palavra de Deus não é simplesmente uma doutrina a ser afirmada, mas uma prioridade a ser perseguida.

Israel caiu na armadilha de manter uma visão elevada das Escrituras, enquanto falhava em cumprir seus estatutos. Para eles, Paulo disse: "Mas se tu és chamado judeu, e repousas na lei, e te glorias em Deus; e conheces a sua vontade e aprovas as coisas excelentes, sendo instruído na lei; e confias que és guia dos cegos, luz dos que estão em trevas, instruidor dos néscios, mestre de crianças, que tens na lei a forma da ciência e da verdade; tu, pois, que ensinas a outrem, não te ensinas a ti mesmo? Tu, que pregas que não se deve furtar, furtas?

"Tu, que te glorias na lei, desonras a Deus pela transgressão da lei? Assim pois, por vossa causa, o nome de Deus é blasfemado entre os gentios, como está escrito" (Romanos 2:17-21, 23-24).

O pecado de Israel levou os incrédulos a blasfemarem contra Deus. Isso é análogo à nossa sociedade em que o Senhor é constantemente ridicularizado por causa dos pecados do Seu povo.

Você é a única Bíblia que alguns incrédulos irão ler, e sua vida está sob escrutínio todos os dias. O que os outros aprendem com você? Eles veem uma imagem precisa do seu Deus?

Os cristãos sempre serão difamados, mas seja pela justiça, não pelo pecado. Como Pedro disse: “tendo o vosso procedimento correto entre os gentios, para que naquilo em que falam mal de vós, como de malfeitores, observando as vossas boas obras, glorifiquem a Deus no dia da visitação” (1 Pedro 2:12).

Confesse todas as áreas da sua vida onde você está sendo desobediente à Palavra de Deus.

Busque Sua graça e poder para viver cada dia como alguém que verdadeiramente respeita a autoridade da Palavra de Deus.

Leia 1 Coríntios 10:1-13. Que propósito o registro do Antigo Testamento das punições de Israel serve para nós?