Submetendo-se à Autoridade Divina
"Ouvi, ó céus, e dá ouvidos, ó terra, porque falou o Senhor: Criei filhos, e os engrandeci, mas eles se rebelaram contra mim" (Isaías 1:2).

A Palavra de Deus é a única fonte de autoridade divina.

Podemos supor que aqueles que afirmam a inspiração, a inerrância e a infalibilidade da Palavra de Deus se submetem automaticamente à sua autoridade. Mas isso nem sempre é o caso. Mesmo aqueles que defendem uma visão elevada das Escrituras podem, às vezes, deixar de obedecer a ela.

Precisamos ser lembrados de que a autoridade da Palavra de Deus não é simplesmente uma doutrina a ser afirmada, mas uma prioridade a ser perseguida.

Israel caiu na armadilha de manter uma visão elevada das Escrituras, enquanto falhava em cumprir seus estatutos. Para eles, Paulo disse: "Mas se tu és chamado judeu, e repousas na lei, e te glorias em Deus; e conheces a sua vontade e aprovas as coisas excelentes, sendo instruído na lei; e confias que és guia dos cegos, luz dos que estão em trevas, instruidor dos néscios, mestre de crianças, que tens na lei a forma da ciência e da verdade; tu, pois, que ensinas a outrem, não te ensinas a ti mesmo? Tu, que pregas que não se deve furtar, furtas?

"Tu, que te glorias na lei, desonras a Deus pela transgressão da lei? Assim pois, por vossa causa, o nome de Deus é blasfemado entre os gentios, como está escrito" (Romanos 2:17-21, 23-24).

O pecado de Israel levou os incrédulos a blasfemarem contra Deus. Isso é análogo à nossa sociedade em que o Senhor é constantemente ridicularizado por causa dos pecados do Seu povo.

Você é a única Bíblia que alguns incrédulos irão ler, e sua vida está sob escrutínio todos os dias. O que os outros aprendem com você? Eles veem uma imagem precisa do seu Deus?

Os cristãos sempre serão difamados, mas seja pela justiça, não pelo pecado. Como Pedro disse: “tendo o vosso procedimento correto entre os gentios, para que naquilo em que falam mal de vós, como de malfeitores, observando as vossas boas obras, glorifiquem a Deus no dia da visitação” (1 Pedro 2:12).

Confesse todas as áreas da sua vida onde você está sendo desobediente à Palavra de Deus.

Busque Sua graça e poder para viver cada dia como alguém que verdadeiramente respeita a autoridade da Palavra de Deus.

Leia 1 Coríntios 10:1-13. Que propósito o registro do Antigo Testamento das punições de Israel serve para nós?

Postar Comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!

Postagem Anterior Próxima Postagem